Mistura de Magias e Egregoras (legiões). Fazem Mal para Nos?

AddThis Social Bookmark Button

 

Mistura de Magias e Egregoras (legiões).
Fazem Mal para Nos?

Silvia Maya.

Saudações a todos.
Capturei este diálogo e resolvi repassar, por achar de muita importância para o estudante da prática da Magia, Ocultismo, Espiritismo, espiritualidade e das religiões primitivas de abordagem xamânicas.
Mais uma vez parabéns para o dirigente de nossa casa Alberto Junior, com suas respostas de bom senso e de profundo conhecimento sobre o assunto.



Paz e Luz a todos espero que gostem.
Silvia Maya.



> olá lista!
> não sei se estou falando besteira, mas vou arriscar! eu me
interesso muito por candomblé frequentei durante uns 2 anos, mas não
me iniciei. pois bem, eu percebi que pode haver um sincretismo com
orixás e as faces da deusa. alguém por aqui interessa-se por esta
questão?
> filha de kali

http://www.aleistercrowley.com.br/


----- Original Message -----
From: Fernando Martins
To: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
Sent: Tuesday, April 12, 2005 8:52 PM
Subject: [ISIS] Filha de Kali, Orixás e as Faces da Deusa

Saudações filha de Kali,
Em qualquer Panteão você poderá sempre fazer associação com as faces da Deusa, pelo fato de que todo Panteão de deuses, projeta de forma
arquetípica as facetas humanas e da natureza como um todo, que nada
mais são do que chamamos no Paganismo em geral e na Wicca em
particular, como as faces da Deusa.
Com as Bençãos
Fernando Martins
http://www.wiccanweb.cjb.net

Mensagem original-------

De: Alberto Junior.
Data: 04/15/05 12:49:47
Para: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
Assunto: Re: [ISIS] Filha de Kali, Orixás e as Faces da Deusa

Saudações a todos.
Saudações Isis parabéns pelo seu trabalho que tenho acompanhado a muito tempo via NET.
Fernando concordo quando vc diz: projeta de forma
arquetípica as facetas humanas e da natureza.
Mas gostaria de fazer um adendo, sou Ocultista a muitos anos e iniciado em Orixá. Muito, me preocupa esta história de iniciados na Wicca Moderna invocarem todos tipos de Deuses de diversas culturas e filosofias. Cada egrégora (Falange, Legião, cada mundo espiritual), tem sua forma de trabalhar, e para invocar estes Deuses dentro da filosofia Mágica, temos que utilizar gestos, orações, cânticos e a parafernália necessária para isto, cada um dentro da sua linha de trabalho. Agora podemos ser iniciados na Wicca, Orixá ou em outras práticas, mas na hora de trabalhar devemos invocar apenas uma força.
Uma coisa e vc fazer uma canalização, meditação para qualquer Deus ou Santo, outra e vc invocar esta força.
Certos cuidados mágicos em todas as linhas de magia tem que ser tomado, o culto dos Orixás é até hoje uma doutrina secreta, assim como outras formas de manifestação da magia. Não devemos misturar as formas de trabalho e egrégoras para trabalhos mágicos, isto pode ocasionar grandes problemas.
Agora meditar sobre os arquétipos dos Deuses a nível de canalização de suas virtudes é diferente, devemos até refletir sobre isto.
O Deus supremo e criador ele é único, e sua lei imutável, mas seus representantes os Deuses, cada um é de um jeito, assim como o ser humano.

Tudo ao Senhor na Santa Ciência.
Alberto Junior.


----- Original Message -----
From: ISIS
To: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
Sent: Friday, April 15, 2005 1:44 PM
Subject: Res: Re: [ISIS] Filha de Kali, Orixás e as Faces da Deusa


Olá Lista !!!!

Obrigado Alberto pela sua gentileza.

Bom, não sei se vou falar besteira ou não, mas referente a esse assunto,
fiz uma Iniciação com o Rubens Sarraceni ( faz teeeeempoooooo...rsrsrsr) onde trabalhavamos com as Teias Energéticas dos Tronos de Deus.
Como Tronos de Deus, cada um dentro de sua filosofia/religião, pode chamar de Deuses, Oríxás, enfim... - o nome pelo qual é chamado é menos importante do q a Força Energética q representa.
Bom, dentro desse trabalho, aprendemos q esses Tronos seriam Fatores Geradores de Ondas, cada onda teria um "desenho", vamos chamar assim, e podem se entrecruzar.
Então, dentro de um Ritual estaríamos nos "conectando" a essas Ondas Energéticas e assim "chamando" para nós, ou para nosso Círculo a Força referente ao Trono (Orixá, Deuses, Anjos, etc) Invocados.
Então, esses vários nomes de Deuses, Faces da Deusa, Orixás seriam na verdade, nomes "diferentes" dados a esses Geradores de Ondas Fatorais.

Q acham?

Isis

----- Original Message -----
From: Alberto Junior.
To: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
Sent: Saturday, April 16, 2005 11:20 AM
Subject: Re: Re: [ISIS] Filha de Kali, Orixás e as Faces da Deusa


Olá a todos. Saudações.
Conheço o trabalho do Rubens Sarraceni, apenas por literatura.
Realmente o que ele lhe ensinou é certo, quando se trata da Magia que ele emprega, que é puxada para a Magia Tradicional e adaptada para o culto da Umbanda e dos Orixás, um lindo trabalho.

Quando me refiro, que não é bom invocar duas ou mais forças gregárias pois podem nos ser prejudiciais. Imagine duas grandes legiões de guerreiros vindo um pela direita e outra pela esquerda e vc no meio, isto pode ser totalmente prejudicial para nossos centros de energia, força de mais para nós humanos. Acredito que uma força ou linha de cada vez é o suficiente.
Talvez não tenha me expressado bem, sabe na net é complicado é um assunto muito complexo, mas vou tentar expor meu ponto de vista.

Quando acessamos os Deuses com este tipo de magia (Saraceni) entramos em contato com as virtudes dos Deuses em questão, normalmente são os seres espirituais intermediários que vem para realizar o trabalho. A invocação dos Orixás dentro da Umbanda é uma coisa 100% correta,e os Babalorixás se preparam 7 anos para isto, a Umbanda é uma religião de matiz Afro-Bras, os Orixás são nossos antepassados divinizados, afinal somos Brasileiros.

Este assunto é muito polêmico no meio da Umbanda e no Culto dos Orixás, vou espressar aqui minha opinião particular.

Acho que cada um cultua o Deus que quiser, da forma que desejar. Mas uma coisa é canalizar, mentalizar, invocá-los para a terra esta grande força dos Deuses Africanos é outra.

Quando abrimos uma Roda Wicca abrimos um portal aqui na terra, que tem o objetivo de captar forças diversas. Certas forças são muito dinâmicas até agressivas, que temos que ter uma fonte controladora deste poder (), no treinamento da Wicca aprendemos a lidar com as forças da Bruxaria e da Magia natural dos Deuses Celtas e outras regiões Européias.Os ritos, gestos, orações, símbolos e tudo mais, foram feito para este tipo de magia. E assim sucessivamente com outras magias.

Agora os Orixás para serem invocados ou virem para a Terra como vemos nas Casas de Culto dos Orixás (Culto Orunmila, Camdomblés de nação etc.), temos que utilizar ritos, gestos, e tudo mais extraídos do Culto dos Orixás.

Para o grupo entender melhor o que estou falando terei que explicar a visão do Povo Yoruba.

O Yoruba acredita que ha dois mundos de existência o Orun (Céu) e o Ayiê(terra), e que possuimos um Duplo ou Doble no Orun (Céu), este doble é perfeito sem defeitos, quando iniciamos uma pessoa no culto dos Orixás é este duplo que atingimos, ou seja a nossa Matéria de Origem ou seja o Orixá Eleda, nosso criador o nosso primeiro ancestral espiritual.
O transe de Orixá é diferente do transe da Umbanda é um transe anímico, o Orixá nasce de dentro de você de seu interior, se ligando ao Eleda Orixá do Orun.

Os Yorubas acreditam que temos 9 planos de existência ou Nove Orun (Céus) e que a terra estaria situada no 4 nível ou seja no meio.

É normal o povo ocidental quando ora ou pratica algumas linhas de magia olharem para o céu, o yoruba olha para o chão, os africanos acreditam que os Orixás vem da terra e não do Céu, seria um ponto de passagem para quem desce e sobe nos níveis do Orun.

Quando falo invocação me refiro trazer o Deus do Céu(Orun) para a terra, que é uma coisa diferente de vc canalizar energias e virtudes.

Para vc ter acesso a este seres espirituais, vc tem que ter os devidos, fundamentos, instrumentos, cânticos e gestos para que ele venha em sua plenitude. Um exemplo: vc ja deve ter visto Yemanja, Oxum incorporar em centro de Umbanda, e ter percebido que elas nâo levantam do chão, apenas ficam de joelhos, vem e vão embora muito rápido, para que o Orixá em questão levante do chão temos que cantar e falar as palavras mágicas corretas ai eles levantão para dançar e festejar, e isto é um segredo do Culto dos Orixás.

O culto dos Orixás e bastante complexo, vocês ja devem ter ouvido falar de pessoas que perderam tudo, casa, casamento, emprego etc. isto é um fato, estas energias mal manipuladas, podem empregar catástrofes. Nunca ouvi falar de que na Umbanda ou Wicca isto tenha acontesido, os prejuízos não são tão graves assim.

Outro exemplo,imagine em ritual da Thelema ou de Crowley,aonde invocaremos a Besta 666, todo um treinamento, outros seres espirituais são chamados ou convidados ai invocamos Yemanja. O que será que vai acontecer? Acho que magia é muito sério, cada um na sua linha. Uma de cada vez.

Não podemos esquecer que uma das regras de qualquer magia é a vontade e o ato, ou seja, temos que ter em mente qual o objetivo que queremos atingir para realizaçao do trabalho mágico.

No culto dos Orixás o nosso objetivo e de invocar e fazer um pacto com o Deus em questão. A união dos Dobles é nosso objetivo.

A magia da escrita e das velas tem o objetivo de trabalhar as virtudes dos tronos destes deuses (). As entidades espirtuais intermediárias é que atuam.
Quando invocamos (canalizamos) virtudes dos Deuses qualquer que sejam eles sua energia não vai realizar mal para nós, pelo contrário nos fará muito bem.

Agora quando unimos o doble errado, ou seja, a energia de origem errada isto é muito muito prejudicial. Sem contar que o Orixá pode se apresentar com um aspecto negativo. Como apaziguar esta força? Isto é um segredo do culto dos Orixás, os Deuses africanos são como os Deuses da mitologia romana, com temperamentos fortes, como Ogum, Exu dentre outros. Muitos dos trabalhos dentro do culto dos Orixás são feito para nossa cabeça (nossa sede de existência) que chamamos de Ori, e Ori tem que ser preparado. Agora a algumas Umbanda e outras linhas de magia que não mexem na cabeça por ser um lugar inportantíssimo para o espírito encarnado. E a maioria das outra formas de magia atuam mais no campo astral. A umbanda é bem diferente do Culto aos Orixás. Apesar de que as duas práticas religiosas trabalhem com eles.

Não sei se consegui explicar e me expressar, é um assunto complexo demais. Mas é desta forma que vejo a espiritualidade.
E sem contar que o Culto dos Orixás é muito primitivo.
Esta pergunta que vc me fez Isis e dificil de explicar, em poucas linhas, muitos ensinamentos são erós (segredos), mas vou procurar enviar email falando mais sobre o Culto dos Orixás, sou iniciado no Culto de Orunmila-Ifá sistema africano, que é diferente do Candomble Brasileiro, mas em minha casa tenho pessoas que trabalhan comigo e foram iniciadas em Keto, amo a Umdanda desde criança, adoro todas as práticas xamânicas, e o transe é a minha maior fonte inspiradora de pesquisa do Ocultimo em geral.

Biri-biri bò won lójú.
Ògbèri nko mo Màriwo.
Iwa re laye yii ni yoo da o lejo.

Tudo ao Senhor na Santa Ciência.
Fazes que tu queres
Alberto Junior
O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
Paz, Amor, Harmonia e Liberdade.

Espero que tenham gostado.

Silvia Maya.
O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar